Imóvel dos anos 50 ganha novos ares em SP

Com mais de 60 anos de existência, uma casa Itobi de 197 m², na Zona Oeste de São Paulo, teve projeto de reforma assinado pelo escritório de arquitetura Apiacás Arquitetos, dos sócios Acácia Furuya, Anderson Freitas e Pedro Barros. Com a proposta de aumentar a área livre, o trio apostou numa intervenção radical na residência, que agora é residida por um casal de jovens.

Com o terreno dispondo, inicialmente, da casa e uma edícula, e com os ambientes internos isolados por várias paredes, a ideia foi remover tudo o que quebrava a fluidez e o diálogo dos cômodos. “Onde antes estava a edícula, aumentamos a área de lazer e o convívio, colocando jardins e piscina no lugar. Demolimos as paredes do térreo implantando vigas metálicas apoiadas em novas paredes”, explica Anderson. Alguns tijolos da construção foram reaproveitados a partir da técnica dos muros ciclópicos.

“No interior da casa tiramos algumas paredes para que houvesse integração entre os ambientes, algo que é defendido atualmente na arquitetura: os moradores conseguirem conviver e interagir estando em diferentes espaços da casa. Apenas os quartos e os banheiros tiveram as paredes mantidas”, destaca o arquiteto. A conexão entre os pavimentos é marcada por uma nova escada e também pelo vazio residual da antiga escada. Consequentemente, o lugar passa a receber maior incidência de luz e ventilação natural.