Projeto debate o Recife como Cidade Emocional

Quais sentimentos o Recife lhe desperta? Essa é a questão provocada no projeto Cidades Emocionais, que discute o modelo de economia criativa em quatro cidades incluindo, além da capital pernambucana, Barcelona, São Paulo e Madri. Essas metrópoles estarão interligadas a partir de 15 de setembro, através de uma plataforma que pretende reunir ideias, anseios e, principalmente, as emoções da população com relação a oito temas (listadas abaixo):

A iniciativa é do grupo Base 7 (SP), Trànsit Projectes (ES) e Hub Criativo (PE), que apresentou o projeto no Centro Cultural dos Correios, no Bairro do Recife. Por lá, os idealizadores Tomás Guido e Angel Mestres, da Espanha, e o paulista Ricardo Ribenboim explicaram a construção da nova ferramenta. “Essa plataforma é mais um observatório do que um site ou portal. É um projeto que congrega. A ideia é fazer um diagnóstico das emoções da cidade, realizando, nessa primeira fase, o comparativo entre os envolvidos. No tema habitação, por exemplo, pode-se medir a situação de medo, de prazer, de alegria e de tantos outros”, explica Ricardo.

As questões serão debatidas para diagnosticar os assuntos que precisam ser trabalhados pelo poder público e até pela iniciativa privada. “Temos o banco de ideias onde entram inúmeras sugestões. Se pegarmos, por exemplo, uma determinada praça que a maioria dos visitantes é da terceira idade, poderíamos pensar numa série de atrativos como mesas de xadrez e área de exercícios, como opção para acolhê-los”, defende. A novidade ainda inclui vídeos sobre as cidades, mostrando os diferentes ângulos das quatro participantes iniciais.

Segundo Angel Mestres, que trouxe diferentes teorias sobre economia criativa, a busca por uma identidade não se limita apenas à construção de museus, bibliotecas e festivais. “Deve-se repensar tudo, não que essas construções sejam proibidas, jamais. No entanto, é preciso emocionar a gente, nos fazer sentir parte de um projeto”, conclui. As ações ainda incluem a convocatória Walk Solutions para a criação e produção de protótipos, na qual arquitetos, designers e artistas do Recife podem incluir os projetos que, ao serem selecionados, poderão ser executados nas etapas seguintes.

Temas na plataforma:
– Diversidade
– Estilo de vida
– Moradia
– Sustentabilidade
– Trabalho
– Redes sociais
– Participação
– Espaços públicos

Sugestões:
Gustavo@base7.com.br